Isto é o que Você Deve Fazer Para Eliminar Sua Acne: Parte 1

Acne pode ser um grande problema para muitas pessoas. E embora a maioria das pessoas pensem que este é um “problema de adolescentes”, existem muitos adultos já crescidos que também são afetados pela acne… às vezes muito severamente. Além da pele deformada que a acne pode criar, isso pode resultar em uma perda de confiança, e até mesmo depressão para algumas pessoas. Portanto, algo tão superficial como acne, muitas vezes pode resultar em uma diminuição muito mais profunda na qualidade de vida de uma pessoa.

Embora existam muitas abordagens para eliminar a acne, a coisa mais importante é obter o máximo de benefícios, com o mínimo de efeitos colaterais. E como a história tem nos mostrado, drogas farmacêuticas muitas vezes carregam o maior risco de efeitos colaterais, alguns deles sendo muito graves. Devido a isso, a minha filosofia sobre a saúde em geral é tentar primeiro sempre as abordagens mais naturais, fundamentais (dieta, suplementos, medicamentos naturais e mudanças de estilo de vida)… em seguida, tentar abordagens de maior risco se absolutamente necessárias (medicamentos, cirurgia, etc). Isso lhe dá a maior chance de sucesso, com o menor risco de efeitos colaterais e/ ou danos potenciais de tratamento.

O Primeiro Passo – Vencer a Acne Em Suas Raízes

Acne ocorre por uma série de razões, incluindo a acumulação de queratina (proteína da pele), o excesso de produção de (óleo de) sebo, entupimento dos poros com sebo e células da pele mortas, infecção bacteriana, e inflamação. Mas um corpo saudável não tem esses problemas, e todas essas coisas são sinais de desequilíbrio no organismo. Felizmente como muitas coisas no corpo, esses processos fisiológicos podem ser influenciados pelas coisas que fazemos. Assim, existem várias técnicas que podemos usar para resolver esses problemas subjacentes.

Então… quando se trata de acne, a abordagem mais fundamental inclui três elementos principais:

  • Uma dieta anti-acne
  • O melhor equilíbrio bacteriano na pele
  • Redução ativa do estresse

Estas são as coisas que vamos explorar nesta série de 3 Partes… E como você vai ver, essas coisas podem reduzir e reverter os processos subjacentes que permitem que a acne ocorra.

Se você está procurando apoio natural para acne, dê uma olhada nesses suplementos: lojavirtual.anticancer360.com

Sua Dieta é Sua Fundação

A dieta é frequentemente o primeiro passo para corrigir muitos desequilíbrios no corpo. O seu corpo está constantemente passando por uma enorme variedade de reações químicas. E os alimentos que você colocou no seu organismo fazem uma grande parte desses produtos “bio químicos”. Então, o que você come irá parcialmente determinar a saúde das reações químicas do seu corpo.

Assim, uma dieta anti-acne precisa seguir dois princípios fundamentais… ela precisa diminuir a inflamação no corpo, e manter o açúcar no sangue estável durante todo o dia.

Dieta Anti-Acne

  • Diminui a Inflamação
  • Mantém o Seu Açúcar no Sangue Equilibrado

Inflamação – O Yin e Yang das Gorduras Alimentares

Como muitas coisas na vida, o conceito de Yin e Yang se correlaciona fortemente com o conceito de inflamação. A inflamação é necessária para a vida… mas muito dela cria problemas. Por exemplo, se você ferir o seu tornozelo durante o exercício, ele ficará vermelho, quente e inchado. Este é um exemplo de inflamação. E embora o corpo muitas vezes possa “compensar” durante uma lesão, é, em parte, essa inflamação que ajuda seu corpo a curar após uma lesão. Este é um exemplo de inflamação “aguda” que ocorre após uma lesão. E, em muitos aspectos, é uma reação adequada e legítima que é necessária para a vida.

Por outro lado, há também a inflamação “crónica”, que não é necessária para a vida, e não é saudável para seu corpo. E uma das principais causas da inflamação crônica é um desequilíbrio nos tipos de gorduras que você come.

O problema mais comum é comer demais de ácidos graxos Omega 6, e pouco demais de ácidos graxos omega 3. E porque estes tipos de “gorduras insaturadas” são facilmente danificadas pelo calor, luz e oxidação, outro problema comum é a qualidade do Omega 6 (e Omega 3) que você come em sua dieta.

Em geral, a dieta moderna contém Omega 6 demais, que pode causar inflamação no corpo. Devido a isso, a maioria das pessoas precisam incluir mais Omega 3 em suas dietas para criar uma proporção equilibrada. Aqui estão alguns alimentos ricos em Omega 3 abaixo que você deve enfatizar em sua dieta. Uma boa regra geral é obter uma proporção de 1:1 de Omega 6 e Omega 3, até uma proporção de 2:1 com mais Omega 6. Então, quantos gramas por dia de Omega 3 você precisará irá depender de quanta gordura, e quanto Omega 6 você come em geral.

Para pele limpa, sem acne e sem sinal de espinhas com apoio natural encontre os seus suplementos para manchas de acne aqui: lojavirtual.anticancer360.com

Algumas boas fontes de ácidos graxos omega 3 incluem:

  • Sementes de Linhaça
  • Sementes De Chia
  • Sementes de Cânhamo
  • Nozes
  • Peixes Gordos
  • Carne de Vacas de Grama
  • Ovos de Galinhas que Crescem no Pasto
  • Suplementos de Óleo de Peixe
  • Suplementos de Óleo de Linhaça

Excesso de Gorduras Danificadas Em Sua Dieta

Assim, além de incluir mais destes alimentos ricos em Omega 3em sua dieta, você também deve considerar a qualidade das gorduras que você come. Devido à sua estrutura química, ácidos graxos Omega 6 e 3 são considerados “ácidos gordos altamente insaturados”. Por isso, eles também são muito sensíveis ao calor, à luz, e a exposição ao ar, que pode causa-los a oxidar. Comer formas oxidadas destes ácidos graxos não é saudável, e resulta em ainda mais inflamação.

O problema é que as dietas modernas frequentemente incluem muitas destas “gorduras oxidadas.” A maioria destes ácidos gordos danificados vêm dos óleos vegetais que usamos para cozinhar devido à forma como eles são processados durante a fabricação.

Você já ouviu falar de óleos prensados a frio? Bem, o tratamento a frio é um método de fabricação que envolve o controle de temperatura, enquanto o óleo está sendo espremido para fora da fonte de alimento. Normalmente, isso é feito com óleo de linhaça, pois contém uma grande quantidade de Omega 3 que é sensível ao calor.

Mas… ácidos graxos omega 6, como você encontraria em coisas como óleo de milho, óleo vegetal e óleo de amendoim, também são muito sensíveis a danos. Infelizmente, esses tipos de óleos são raramente prensados a frio. Em vez disso, eles são frequentemente extraídos usando processos químicos e de alta temperature, os quais resultam em uma grande quantidade de ácidos graxos danificados. Isto é também porque muitos óleos de cozinha de baixa qualidade devem ser “desodorizadoa” antes de poderem ser vendidos ao público. Uma grande parte destes óleos são basicamente “râncidos”, mas são desodorizados para que eles tenham bom gosto. Mas eles ainda contribuem para a inflamação crónica no corpo.

Agora na Ásia, há também o problema dos “óleos de sarjeta.” Isto é ainda pior do que os óleos de cozinha oxidados que estamos falando sobre aqui. Estes óleos não são apenas ruins para sua saúde, eles podem fazer com que você fique doente muito rapidamente. Óleos cd calha são muitas vezes contaminadzs com toxinas, e tem o grau mais elevado de danos químicos e subprodutos prejudiciais. Portanto, fique longe destes a todo custo e coma em lugares e restaurantes de maior qualidade.

Escolhendo Bons Óleos

Assim, além dos alimentos e suplementos ricos dm Omega 3 que você deve incluir em sua dieta, também é importante cozinhar com óleos alimentares saudáveis. Um óleo de cozinha de boa qualidade pode ser difícil de encontrar, porque estes “processos de refino naturais” ainda não são populares em muitas partes do mundo. Mas aqui estão alguns óleos que você pode procurar em suas lojas locais. Estes serão a sua melhor aposta para um óleo de cozinha de qualidade superior.

Óleos de Cozinha de Alta Qualidade Fáceis de Encontrar:

  • Óleo de Coco (Bagaço Pressionado e Não Hidrogenado)
  • Azeite (Prensado a Frio – Ok Para Cozinhar em Baixo Calor)
  • Azeite (Bagaço Pressionado – Pode Usar para Cozinha em Calor Maior)
  • A Maioria dos Óleos que são “Alto Oléico” e “Bagaço Pressionado” são OK

Como Evitar Óleos Ruins para Culinária:

  • Nunca cozinhar com óleo de linhaça
  • Não utilize óleos hidrogenados
  • Evite óleos de cozinha comuns, sempre que possível
  • Minimize alimentos fritos
  • Não coma frequentemente em restaurantes que utilizem ingredientes de baixa qualidade.

Conclusão

Então… obtendo as gorduras de maior qualidade, e equilibrando o “Yin e Yang” das gorduras de sua dieta é um dos primeiros passos mais importantes na luta contra a acne. Na Parte 2 desta série, vamos continuar falando sobre a importância do equilíbrio de açúcar no sangue e mais…

Quer saber mais sobre o que você pode fazer para eliminar a acne? Confira este artigo abaixo:

Isto é o que Você Deve Fazer Para Eliminar Sua Acne: Parte 2

Você sofre de acne? Você já tentou de tudo para se livrar dela? Deixe-nos saber nos comentários abaixo e compartilhe!

More from Our Site

Deixe um comentário

Share This